Artista plástico desenha painel em muro da Rua do Norte: “acabar com este estigma de que o Nordeste é negativo”

Levar à arte para a comunidade e acabar com os estigmas de negatividade relacionados ao Complexo Nordeste de Amaralina. Esse é o objetivo do publicitário, artista plástico e compositor, Marco Antônio Fróes, 60 anos. Morador da Rua do Norte há 32 anos, o artista resolveu transformar a realidade do local onde vive. Para tanto, Marco Antônio desenhou um painel, onde homenageia personalidades da cultura brasileira e baiana. A obra fica em frente à Igreja Batista Shalom, na ladeira de acesso ao bairro.

“Eu via sempre este muro nú e resolvi desenvolver este painel. A idéia é fazer por toda a cidade de Salvador….Vê as personalidades que mais se destacam, ou se destacaram e fazer painéis, homenageando essa gente. Mariene de Castro, representando o samba, Lazaro Ramos, a dramaturgia e Gilberto Gil, com sua musicalidade excepcional. Mas ainda há muita gente boa para serem retratadas, em vários segmentos. Pretendo fazer no Candeal o de Brown, Pintado do bongô e Fialu”, explica Fróes.

“Estou muito contente com a repercussão. Várias pessoas parando os carros, para fotografar, filmar e perguntando quem é o autor. Algumas pessoas sabem do meu trabalho, mas a maioria, desconhece, eu não sou muito de falar sobre mim. O importante é que precisamos acabar com este estigma de que o Nordeste é negativo”, acrescenta o artista que já teve seu trabalho publicado em exposições coletivas e diversos salões de arte.

Biografia – Nascido em 17 de setembro de 1961, Marco Antônio Fróes foi criado no bairro da Ribeira, em Salvador. Chegou ao Nordeste de Amaralina 1989 quando casou-se com a atual esposa, que já era moradora do bairro.

“Eu conheci Tereza na lavagem do Bonfim em 82, começamos a namorar, casamos em 89 e estamos aqui até hoje (risos). Eu gosto muito do Nordeste. Possuo imóveis na Ribeira, mas prefiro continuar aqui no Nordeste”, conta.

Como publicitário, o artista soteropolitano trabalhou em grandes agências de propaganda como: DM9, Propeg, Idéia 3, DS 2000, Engenho Novo, dentre outras. Há mais de vinte anos faz parte da equipe de coordenação do carnaval de Salvador. Aliás, ainda sobre carnaval, Marco Antônio foi responsável, juntamente com Pedrinho da Rocha, pela pintura de diversos trios tais como Chiclete com Banana, Cheiro de Amor, Crocodilo, Pinel…

A relação de Fróes com arte é um capítulo à parte. Seu trabalho e inspiração vão além das artes plásticas. Como compositor, o artista é autor de músicas gravadas pela extinta banda Pimenta Nativa e pela cantora, ex-Timbalada, Amanda Santiago.

Tenho hoje, cerca de 100 composições inéditas guardadas. E sou autor de vários jingles, para Faculdade 2 de julho, Biocheckup, Le Biscuit, Ama pets, dentre outros.

Veja outros trabalhos de Marco Antônio:

COMPARTILHAR
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU