Defensoria acompanha caso de criança morta em operação no Vale das pedrinhas

A Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE-BA), por intermédio da Especializada de Direitos Humanos, comunica que está atuando para amparar e garantir assistência jurídica integral à família do menino Ryan Andrew, de 9 anos, que morreu na última sexta-feira, 26, durante operação policial no bairro de Vale das Pedrinhas, em Salvador.

A polícia Militar da Bahia realizava policiamento ostensivo na localidade conhecida como Bananeira, por volta de 22h daquele dia, quando a criança foi atingida por arma de fogo na região do tórax e depois levada pelos policiais ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu. A ação está sendo apurada pela Corregedoria Geral da PM.

A Defensoria da Bahia acompanhou a oitiva dos familiares da criança feita pela Corregedoria na tarde da segunda-feira, 30, segue atenta aos desdobramentos das investigações. A DPE também prestou solidariedade à família e deseja força nesse momento de extrema dor.

COMPARTILHAR
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.