Após mal entendido em restaurante, moradora do Nordeste é vítima de racismo nas redes sociais

Uma confusão ocorrida no local de trabalho da moradora do Nordeste de Amaralina, Vitória Ponciano , 23 anos, acabou se transformando num caso típico de injuria racial. Tudo começou na última segunda-feira (14), quando uma mulher de prenome Monik chegou ao restaurante onde Vitória trabalha, no bairro do Rio Vermelho, no intuito de fazer um ensaio fotografico. Informada que o ensaio somente é permitido com autorização previa, Monik resolveu apelar:


“Ela chegou com seu equipamento fotográfico. Informei ela sobre as normas da casa. Ela então ficou revoltada e começou a questionar diversas outras situações que não tinham nada haver, na maldade mesmo. Eu evitei falar para que nada fosse usado contra mim. Ela aí começou a nos chamar de bosta, disse que nós éramos uns merdas…Tudo isso nos filmando”.


Nesta terça-feira (15), Vitória foi surpreendida com a publicação do vídeo em uma rede social. Na reprodução, Monik, que no Instagram se diz especializada “em ginecologia natural XAMÂNICA”, usa diversas palavras de cunho racista (ver vídeo abaixo).


“Recebi esse vídeo ontem. As palavras que ela falou foram muito sem sentido….Ela não foi maltratada. Ela não deveria ter direcionada isso a mim. Falando a verdade eu não sei porque ela fez isso. Foi a primeira vez que tinha visto ela, então não tinha motivo particular”, diz Vitória.


“Eu me preocupei ainda mais com a minha imagem sendo exposta da forma que foi. Por que o que ela fez com uma mulher que sai de casa 7h da manhã, larga seu filho com a avó, muitas das vezes chorando, e vai para o trabalho e ter que passar por uma situação como é essas, é bem difícil”, acrescentou.


“Ela fala sobre eu ganhar salário mínimo, mas eu tenho muito orgulho disso, de ser uma preta, favela, que ganha seu salário com caráter. E pretendo correr atrás, fazer um boletim de ocorrência, e ir na defensoria pública”, finalizou.

COMPARTILHAR
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU