Bahia registra recorde do ano de novos casos e mais 104 mortes por covid em 24h

Estado registrou mais de 100 mortes pelo coronavírus em cada um dos últimos três dias, num total de 341 registradas em 72 horas; 20,5 mil estão ativos​​​​

A Bahia registrou 104 mortes e 6.520 novos casos de covid-19 (taxa de crescimento de +1,0%) em 24h, de acordo com boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) no final da tarde deste sábado. No mesmo período, 5.672 pacientes foram considerados curados da doença (+0,9%).

Este foi o maior número de novos casos em 2021 e segundo maior de toda pandemia no estado. Dos 680.904 casos confirmados desde o início da pandemia, 648.593 já são considerados recuperados e 20.582 encontram-se ativos.

Além disso, as 104 mortes representam o segundo maior número de mortes registradas em 24 horas na Bahia desde o começo da pandemia, ficando atrás apenas dos 137 registrados nesta sexta (26), e acima dos 100 registrados na quinta (25). 

Ou seja, a Bahia registrou mais de 100 mortes pelo coronavírus em cada um dos últimos três dias, num total de 341 registradas em 72 horas. O recorde anterior aos números desta semana era de 24 agosto, quando foram contabilizados 77 óbitos.

Apesar das 104 mortes do boletim terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro feito neste sábado demonstram o crescimento de casos graves, o que tem ampliado a taxa de ocupação nas UTIs. 101 das mortes divulgadas neste sábado ocorreram em 2021. 

Além disso, analisando os boletins divulgados nos últimos oito dias com o registro das datas em que as morte ocorreram, é possível ver que pelo menos 111 pessoas morreram no estado entre sábado passado (20) e este sábado (27). Número que ainda pode aumentar após detalhamento da Sesab.

A Sesab ainda esclarece que a existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se à sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19.

Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 11.729, representando uma letalidade de 1,72%.

Ocupação das UTIs

Após sete dias de aumento seguidos na ocupação das UTIs, essa sexta não teve registro de mais um recorde negativo. Ainda assim, até as 17h de hoje, 933 pacientes adultos e pediátricos se encontram em estado grave, ocupando leitos de terapia intensiva nas diversas regiões da Bahia. A taxa de ocupação é de 80,3%.

Desde a última sexta (26), todo o estado da Bahia está em ‘lockdown’ das atividades não essenciais, em vigor até segunda (1º).

COMPARTILHAR
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.