[Capoeira] Professora Bibinha recebe homenagem na Câmara Municipal

Título será entregue hoje, às 18h30, no Centro de Cultura da Câmara

Sucesso! Assim podemos definir a carreira de Jubenice Santos ou “Professora Bibinha”. Após vencer o campeonato internacional de capoeira, o “Red Bull Paranauê”, em março desse ano, a moradora do Nordeste de Amaralina recebe nessa sexta – feira (15), às 18h30, no Centro de Cultura da Câmara de Salvador, a medalha de honra ao mérito. A homenagem é proposta da Frente Parlamentar em Defesa da Capoeira e da Federação Baiana de Capoeira. “Sou moradora do Nordeste, sou mulher e sou preta. Me sinto realizada em poder representar meu bairro e a mulher negra que, apesar das dificuldades resiste e alcança os seus objetivos”, destaca Bibinha.

BIOGRAFIA – Jubenice Santos ou “Professora Bibinha”, como é conhecida nas rodas de capoeira do bairro, teve o seu primeiro contato com a capoeira na época da escola, onde deu seus primeiros gingados com o Mestre Crunsh, nos idos da década de 90.  “Cresci no bairro do Nordeste de Amaralina, onde a Capoeira se encontra em cada esquina. Por esse motivo sempre tive contato com a Capoeira desde muito pequena. No início enfrentei resistência por parte de alguns familiares que criticavam minha participação por não terem uma boa visão da capoeira para uma menina de apenas 11 anos, mas fui persistente apesar de muito nova, sempre fui um pouco ousada, conta Bibinha. Com 24 anos de Capoeira, e 16 anos de formada, Jubenice está à frente também de um trabalho social batizado de “Grupo Origem Capoeira”. “A Capoeira é vida, ela pulsa no coração de todos aqueles que se doam para ela, hoje tenho certeza que a Capoeira foi a melhor escolha, pois ela é minha filosofia de vida! Me sinto realizada com esse trabalho pois é a concretização de um grande sonho, sempre quis ter um trabalho e compartilhar os conhecimentos adquiridos no decorrer da vida e poder proporcionar por meio da Capoeira as mesmas oportunidades que tive para outras pessoas, é o que tenho feito com as crianças, jovens e adultos do Origem Capoeira”, explica.

COMPARTILHAR
Tiago Queiroz
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU