Fim da greve na CSN: Rodoviários aceitam acordo e voltam a trabalhar nesta segunda (5)

Os trabalhadores estavam em greve desde o início da semana

Os rodoviários da CSN aceitaram um acordo para quitação das obrigações trabalhistas proposto pela gestão municipal e a concessionária, mediado pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) e a Justiça do Trabalho, e irão retomar as atividades nesta segunda-feira (5). A empresa atua na orla de Salvador e no bairro de Mussurunga.

Os trabalhadores estavam em greve desde o início da semana e tentavam garantir os direitos trabalhistas em caso de demissão coletiva. O acordo prevê que aqueles que forem demitidos receberão os direitos com recursos vindos do aluguel dos ônibus e das garagens da CSN para a prefeitura, agora responsável pela operação das linhas antes concedidas à empresa.

Já o FGTS dos trabalhadores demitidos e dos que permanecerão contratados pela gestão via Reda, terão os valores quitados com os R$ 20 milhões devidos pela prefeitura à CSN, relativos ao desequilíbrio econômico do contrato de concessão. Os pagamentos serão feitos em cinco parcelas. O acordo ainda reduz de 40% para 20% a multa do FGTS.

COMPARTILHAR
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.