Grupo de natação “Mar Aberto” realiza  “Rifa Solidária”

Ajudar os atletas da equipe que participarão de competições  nas cidades de Porto Seguro e Fortaleza -CE. Esse é o objeto da “rifa solidária” realizada  pelo grupo de natação “Mar Aberto-Esporte e Lazer”. A equipe é treinada pelo professor Paulo Conceição, especialista formado pela UFBA. Serão sorteados, via Loteria Federal, uma caixa de som 150 W/KaroKê; uma caixa de som 100e; e um kit sorvete e picolé real. O valor de cada número é R$10. Os interessados em contribuir podem entrar em contato através do Instagram (clique aqui)

De acordo com o professor, “a idéia da rifa surgiu diante dos altos custos para o deslocamento da equipe, composto por atletas moradores do Complexo Nordeste de Amaralina, e que possuem futuro bastante promissor no esporte, tais como: Caio Lucas, Luciano Venâncio, Felipe Conceição, Sophia Alves e Alessandro Martins”. As competições acontecem nos dias 01 e 30 de abril.

“Parte desse valor vamos converter em transporte e hospedagem. Fora isso temos ainda  a taxa inscrição, além de alimentação para um total de 22 participantes, entre 9 a 51 anos.”, explica.

 “Nossa expectativa é de conseguir bons resultados em ambas as competições. Temos atletas  que irão em busca da classificação para Travessia Itaparica-Salvador, que acontecerá no final do ano.”, completa.

Criado há 15 anos na praia de Amaralina, a equipe Mar Aberto realizava seus treinamentos na piscina do CSU, no Beco da Cultura. No entanto, após o fechamento da mesma por conta da pendemia, e posteriormente em virtude de uma reforma, o grupo transferiu as atividades para a piscina da Arena Salvador, no Corsário.  

COMPARTILHAR
Poeta nas horas vagas e com grande gosto por letras e comunicação no geral.