Ministério da Saúde anuncia dose de reforço para pessoas com mais de 60 anos

De acordo com a pasta, imunização deve atingir cerca de 7 de milhões de brasileiros

Profissional de saúde aplica vacina em idosa, em Lauro de Freitas (Foto: Natanael Kiss/Ascom PMLF)

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou nesta terça-feira (28) que idosos acima de 60 anos também deverão receber uma dose de reforço da vacina contra a Covid-19. 

Ainda em isolamento nos Estados Unidos após ter sido diagnosticado com a doença, Queiroga fez o comunicado por meio de um telão durante um evento que marca os mil dias do governo federal em João Pessoa. Ele usava máscara na gravação. 

“Graças à estratégia diversificada que o governo federal, por intermédio do Ministério da Saúde adotou para a aquisição de vacinas, é possível hoje, no final do mês de setembro, já ofertar para os idosos brasileiros uma dose de reforço da vacina”, disse Queiroga. 

“Além dos idosos com mais de 70 anos, os profissionais de saúde que já foram anunciados como contemplados com o reforço. Agora, o Ministério da Saúde vai atender aqueles com mais de 60 anos. São cerca de 7 de milhões de brasileiros nessa condição”, afirmou o ministro.

COMPARTILHAR
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.