Professor do Odorico Tavares é assassinado por arma branca em Salvador

Por Dois Terços

Na tarde desta quinta-feira (21), o professor da rede estadual Carlos França, 48, foi assassinado em sua residência no bairro dos Barris, em Salvador. A vítima não resistiu às lesões causadas por arma branca e morreu.

De acordo com Gabriel Teixeira, coordenador do Núcleo LGBTQIA+ da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Governo do Estado da Bahia, o suspeito do crime já foi preso.

Amigos e colegas de profissão lamentaram a morte do mestre. “Um dos grandes colaboradores da pesquisa científica da Rede Estadual da Educação, descansa em paz!!! Nós, colegas de trabalho e do grupo Ciência na Escola, damos nossos votos de pêsames para toda a família!!! Vai com Deus, professor!!!”, escreveu um amigo no Facebook.

Tive a honra de ser aluno de Carlos França, e depois participar da gestão dele como Diretor interino do Colégio estadual Odorico Tavares”. escreveu Jefferson Borges diretor do NES em sua rede social.

O motivo e o nome do suposto autor do crime ainda não foram divulgados pelas autoridades.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.