Salvador intensifica consultas e exames para homens em referência ao Novembro Azul

Com o objetivo de alertar para os cuidados com a saúde e os riscos do câncer de próstata, a prefeitura de Salvador, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), vai ampliar o acesso de consultas e exames voltados para o público masculino para celebrar o Novembro Azul.

Nos Multicentros da rede municipal da saúde serão ofertadas mais de 600 vagas para consultas com cardiologista, urologista, além dos exames de ultrassonografia da próstata, aparelho urinário, abdômen testicular e bolsa escrotal. Já no Hospital Municipal de Salvador (HMS), haverá a disponibilização de 1.120 vagas para exames de imagem focados na saúde do homem.

O interessado nos serviços deve obrigatoriamente buscar nos postos de saúde de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, para realizar o agendamento prévio visando evitar aglomerações em virtude da pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a prefeitura, as Unidade Básicas de Saúde (UBS) vão intensificar a oferta de consulta médica e odontológica, o tratamento com enfermagem com realização de testes rápidos (HIV, sífilis, Hepatites) e imunização. Além disso, haverá orientações sobre pré-natal do parceiro, planejamento reprodutivo, encaminhamentos para clínica de disfunção sexual e vasectomia.

Consultório de Rua – Nesta edição da mobilização, ao longo do mês de novembro, o público masculino em situação de vulnerabilidade também será contemplado numa parceria com o programa de Consultórios de Rua nas localidades de Itapuã, Centro Histórico, Itapagipe e Brotas. O intuito é alertar os homens para o autocuidado e aproximá-los do serviço de atenção primária à saúde.

Para atingir a população masculina que vive com a doença falciforme e aqueles que estão cadastrados para tratamento na SMS, as equipes farão uma busca ativa desses pacientes através de ligação ou in loco para realizar o agendamento de uma consulta clínica.

O câncer de próstata é o tipo de tumor mais comum entre o público masculino e atinge, principalmente, os homens que possuem histórico na família e com idade igual ou superior a 50 anos. No entanto, a doença tem grandes chances de cura quando descoberta precocemente. No Brasil, a cada dez homens diagnosticados com câncer de próstata, nove têm mais de 55 anos.

Em 2019, entre janeiro e outubro, 212 homens vieram a óbito na capital baiana em decorrência do câncer de próstata. No mesmo período, este ano, 170 pessoas foram vítimas da doença. 

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.