Conheci o amor da minha vida no Baba de Saia

Fala meu bonde do NORDESTeuSOU. Me chamo Felipe e minha história de amor começa no tradicional “baba de saia” do Nordeste. Eu moro aqui desde que me conheço por gente e sempre participei de tudo que acontece na região . Nesse dia, convidei minha prima para o arrastão e ela perguntou se poderia trazer uma amiga. Lógico, afirmei que podia, principalmente pelo fato da amiga dela ser linda!! Acordei cedo, botei minha saia e fui jogar bola.

Tainá, minha prima, chegou na hora que eu estava jogando e Renata, a amiga, veio junto. Pense numa menina linda, preta, do cabelo cacheado, igual aquela música de Rogerinho: “Eu sempre fui apaixonadinho por ela, desde que ficamos pela primeira vez, mas nunca tive coragem de pedi-la em namoro”. Após o jogo, ficamos resenhando e chegou a hora do arrastão, que modéstia parte falando, meu Nordeste é massa!!! Ficamos de casalzinho durante o dia e convidei ela para sair à noite.

Fomos num barzinho. Bebemos, comemos, dançamos, nós pegamos e assim foi se sucedendo, mesmo que por pouco tempo, até eu pedi-la em namoro. Levei na orla de Amaralina, no pôr do sol, na areia da praia e la fiz o pedido. Não poderia ser mais especial!!
Estamos juntos há quase um ano e eu posso te afirmar, júnior, eu a amo e tenho certeza que é um sentimento recíproco. Queria compartilhar minha história de amor com o objetivo de influenciar os leitores a ouvirem seu coração e dá valor aos seus sentimentos, sem medo de reprovação.

COMPARTILHAR