Professor de Ed. Física, morador do Nordeste de Amaralina, inova em método de treinamento.

Proporcionar uma maior qualidade de vida à população. Esse é o objetivo do professor de Educação Física, Sidnei Marion, 45 anos. Nascido e criado no Complexo Nordeste de Amaralina Sidnei iniciou sua trajetória profissional aos 18 anos trabalhando como cozinheiro, após tomar um curso no Senac.  

“Isso abriu a minha visão para o mundo mercadológico. Essa formação fez com que eu corresse atrás de outros cargos dentro da gastronomia. Fui subchefe de cozinha e depois professor de gastronomia. Acabei viajando bastante. Fui para o Rio de janeiro, São Paulo. Tive em Portugal levando a gastronomia baiana e brasileira. Fui também à Espanha, dentre outros lugares”, conta.

Foi nessa época também, em paralelo com o trabalho como chef de cozinha, que o esporte entrou na vida de Marion. “Sempre fui amante do esporte. O esporte entrou em minha vida através do boxe, onde cheguei até lutar profissionalmente. No entanto essa questão do boxe é bastante complicada. Você rala muito e ganha pouco. Decidi então desisti de ser um pugilista de ponta”, relata.

No entanto, o contato com o esporte somado à sua vivência com a culinária despertou em Sidnei a ideia de fazer um casamento entre essas duas paixões. Foi então, que o jovem resolveu aprimorar seus conhecimentos ingressando na faculdade de Educação Física.  

“Percebi que essa junção da gastronomia com o esporte é tudo. Uma coisa é a gente viver e outra coisa é a gente sobreviver. Somos aquilo que comemos, então a partir do momento que a gente não se alimenta direito e não descansa, com certeza aquele corpo se tornará mais lento, mais preguiçoso dando oportunidade para alguma doenças provenientes da síndrome metabólica, tais como: pressão arterial, diabetes… Isso é quando a perimetria do abdômen passa de 102, no caso dos homens, e 89, no caso das mulheres”, conta o educador.  

Mesmo graduado, Sidnei não parou de estudar. Inquieto, o professor Sidnei utilizou da sua experiência em aulas ministradas em diversas academias de Salvador, para criar o seu método próprio de treino:  o “Hardcore Trainee”.

“Desenvolvi uma arte diferente trabalhando as valências físicas: força, potência e resistência. Mediante uma pesquisa de mercado feita por mim, onde observei os “Profits” e os “Mahamudra”, eu acabei fazendo essa fusão e colocando a minha peculiaridade. Surgiu assim o hard core trainee. Um treino duro, mas de forma orquestrada. Meu treino começa com anamnese, que é um exame onde a gente vê como está a saúde do aluno naquele momento. Depois disso é que a gente começa com estímulo débil, onde o corpo vai começar a despertar diante dos exercícios. Depois disso é que a gente começa com algumas atividades, sempre em cima da anamnese”, explica Sidnei.

Comunidade – Além da culinária e do esporte, a outra paixão do professor Sidnei Marion é o é o Complexo Nordeste de Amaralina, comunidade onde nasceu e cresceu. Sidnei tem como desejo retribuir ao bairro os ensinamentos aprendidos durante os mais de quarentas anos vividos dentro do bairro.

“Existem projetos legais em nosso bairro, com baixo custo e que valoriza o Complexo Nordeste de Amaralina. Claro que existe um custo, mesmo baixo, mas é um custo. Às vezes, de graça, talvez nem todos valorizem. Aqui na Praça Mestre Bimba tenho cerca de 15 e 20 alunos. QA maioria das pessoas que me procuram querem qualidade de vida, baixar peso, emagrecimento… Quem quiser participar das aulas podem entrar em contato comigo através da rede social, através do whats app (71 – 8843-6182) ou fazer uma visita de segunda à quinta, das 18h às 19h, na praça Mestre Bimba.

“A qualidade de vida depende exclusivamente da gente. Existem pessoas que estão sobrevivendo e não estão vivendo. Viver é sorrir, passear com a família, trabalhar de forma alegre, segura, tranquila. Isso é viver. Sobreviver é não cuidar da saúde, ter problemas, estar constantemente no médico, gastando dinheiro com medicamento ou até internado em cima de uma maca. Precisamos cuidar da nossa saúde e melhor nossa qualidade de vida. Viver com alegria e eficácia”, finaliza.

COMPARTILHAR
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU