[Absurdo] Livros novos descartados como lixo no Colégio Manoel Devoto

“Burro é quem empresta um livro, mais burro ainda é quem devolve”, disse certa vez o poeta Carlos Drummond de Andrade.

O que diria então esse grande intelectual da língua portuguesa sobre aqueles que tratam livros como lixo? Acredite se quiser, mas o fato aconteceu no Colégio Estadual Manoel Devoto. No final da semana passada, através de uma rede social, o Nordesteusou (NES) recebeu a denúncia sobre o fato descrito acima. “Livros novos jogados fora no Manoel Devoto”, dizia a postagem. Com a palavra a direção da referida unidade de ensino.

COMPARTILHAR
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU