Dia dos Pais vem ai: o que oferecer de presente?

Comércio local aposta nas boas vendas para a data comemorativa.

Os empresários e comerciantes do Nordeste de Amaralina vivem a expectativa para o Dia dos Pais. Seguindo o calendário Católico Apostólico Romano o segundo domingo do mês de agosto de cada ano é dedicado a celebrar o dia daquele que nos deu à vida A data é vista para o segmento como oportunidade de aumento nas vendas, sobretudo em época de pandemia, onde os efeitos da crise sanitária tiveram forte impacto grande na economia.

“Viemos de mais um ano com restrições e comércio. Porém, estou muito confiante nas vendas para este dia”, diz Albérico Souza, proprietário da loja Nordeste Griffe que fica localizada no final de linha do Nordeste.

O otimismo dos empresários tem uma explicação: ninguém deixa a data passar em branco. Independente do valor do presente,os filhos não abrem mão de comprar uma lembrancinha carinhosa para os seus heróis.

 Para conquistar os filhos sedentos pelo melhor presente e preço baixo, os comerciantes abusam da criatividade a fim de  contemplar  todos perfies e bolsos possíveis.

 “Trouxemos bastante novidade, mas  considero que a grande queridinha do ano é o conjunto pai e filho. As mães costumam comprar pra presentear seu esposo e ao mesmo tempo seu filho.  Já para os papais mais velho, geralmente o mais procurado são as camisas Gola polo e as bermudas estilo jeans. Nós da Nordeste Griffe temos isso e muito mais, para presentear o homem mais importante da sua vida, seu pai. Lembrando que tem os valores que cabe no bolso, comenta Albérico(@nordestegriffe)

A comerciante Jaguaraci Aleluia acredita que uma boa opção são as cestas personalizadas de café da manhã.  Segundo a própria, os filhos montam com formem os traços e desejos do seu super herói. ” Não tem como fazer feio ou errar. A pessoa escolhe a decoração com base ao time de futebol e vai adicionando, petisco, salgados, e até uma bebida alcoólica. Além disso,  alternativas para papais estilos “formigas” e vaidosos. Como na primeira opção,  tenho bolos de potes, sendo na  segunda, fica os serviços de tranças ou penteados afros. Só não pode esquecer que tudo é no precinho da favela”,Jaguaraci Aleluia, dona da loja  Bibia Tranças( @bibiarocha e @kiarsantos0711)  na Santa Cruz.

COMPARTILHAR
Amante da Literatura, apaixonado pelas Letras. Discente de Letras Vernáculas e Língua Inglesa, poeta, escritor , blogueiro, professor e Repórter do site NES.