Passageiros ficam à deriva após lancha da Travessia Salvador-Mar Grande quebrar

Correio*

A manhã foi de susto para quem precisou utilizar o sistema da Travessia Salvador-Mar Grande. Logo nas primeiras horas desta quinta-feira (19), uma lancha ficou à deriva após apresentar um problema no motor.

Segundo a Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab), a embarcação Nossa Senhora da Penha saiu do Terminal de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica, por volta das 8h. A lancha iria para Salvador quando, 15 minutos depois, teve um problema técnico.

Foi necessário chamar um outro barco para transportar os cerca de 175 passageiros para a embarcação para que a travessia fosse concluída. A lancha quebrada foi guinchada de volta para Itaparica.

Em nota, a Marinha do Brasil (MB), por meio da Capitania dos Portos da Bahia (CPBA), informou que “houve um problema na reversora da embarcação e não foi registrado nenhum incêndio a bordo”. Acrescentou ainda que, “no momento do ocorrido, todos os passageiros foram orientados a vestirem os coletes salva-vidas e a lancha ficou fundeada, enquanto aguardava a chegada de uma outra embarcação da empresa de transporte para iniciar o transbordo dos passageiros”.

“Todos os passageiros foram transferidos, com segurança, para a lancha “Nossa Senhora da Penha III”, que realizou o transporte, tendo a CPBA acompanhado o desembarque de todos os passageiros no Terminal de Turismo Naútico da Bahia, em Salvador. Cabe ainda informar que a lancha foi notificada e apreendida pela CPBA. As causas, circunstâncias e responsabilidades pelo ocorrido serão apuradas por meio de inquérito administrativo instaurado pela Marinha do Brasil”, conclui a Marinha.

COMPARTILHAR
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.